REMAVOU-Rede de Monitores Ambientais Voluntários

Criação da Rede de Monitores Ambientais Voluntários.

Essa atividade visa engajar a sociedade civil, no processo de monitoramento de fauna e flora e em atividades de educação e sensibilização ambiental da sociedade. Em termos práticos consiste no treinamento de voluntários, no seu aparelhamento com equipamentos e no desenvolvimento de um arcabouço institucional para apoiá-los em suas atividades.

 

Para que a Central de Monitoramento opere de forma sustentável criou-se a Rede de Monitores Ambientais Voluntários - REMAVOU

O programa de Monitores Ambientais Voluntários tem por finalidade propiciar as comunidades do entorno das Unidades de Conservação, bem como as comunidades inseridas dentro das Áreas Prioritárias para Conservação nos corredores de biodiversidade, a participação voluntária em atividades de monitoramento e pesquisa envolvendo os seguintes temas: conservação, preservação e proteção dos recursos naturais nas áreas prioritárias para a conservação, fauna e flora silvestre, ambientes aquáticos, ecologia da paisagem entre outros.

A proposta é despertar nos Monitores Ambientais Voluntários a vivência prática em projetos científicos e em trabalhos de conservação da natureza conforme sua área de interesse, desse modo orientando e capacitando-o a atuar de forma individual e coletiva na busca de alternativas viáveis para a conservação da natureza e uso sustentável dos recursos naturais. O Programa visa atender a demanda da sociedade em busca de um ambiente equilibrado e será uma ferramenta complementar a Central de Monitoramento de Fauna e Flora pela participação das comunidades em ações de monitoramento, controle e de educação ambiental nas áreas prioritárias para conservação, contribuindo para a continuidade dos estudos após o encerramento do projeto Paraná Biodiversidade, propiciando resultados seqüenciados e contínuos.
O enfoque deste programa é educativo através da prática, parte do princípio que o conhecimento não é algo acabado que pode se transferir de uma pessoa para outra. Além disto, as pessoas possuem informações, opiniões e leituras sobre a realidade e a incorporação de novos conhecimentos se dão a partir dos saberes já existentes e dos estudos já realizados.
Nessa parceria, o programa da Rede de Monitores Ambientais Voluntários - REMAVOU deverá ser visto como uma ferramenta essencial à Central de Monitoramento de Fauna e Flora e conseqüentemente a continuidade dos estudos do Projeto Paraná Biodiversidade, com ambos se beneficiando e contribuindo para uma gestão participativa entre o Governo do Estado representado pelo Instituto Ambiental do Paraná – IAP, Entidades de Ensino Superior e acadêmicos, Organizações não Governamentais e sociedade civil, visando prioritariamente o enriquecimento científico da população brasileira e conseqüentemente dos profissionais e acadêmicos interessados e envolvidos na Rede de Monitores Ambientais Voluntários.

 

Missão do REMAVOU

Propiciar a participação das comunidades do entorno das unidades de conservação e áreas prioritárias para conservação, Universidade (acadêmicos e professores), entre outros, em estudos relacionados a monitoramento de fauna e flora, bem como a proteção dos recursos naturais nas áreas prioritárias do projeto PRBIO, com o objetivo de torná-la proativa e capaz de conservar a biodiversidade e realizar atividades em prol da conexão dos fragmentos florestais e dispersão das espécies entre eles, além de obter autonomia para que seja tomada a iniciativa da proposta conservacionista.
  • Promover a cooperação entre Governo do Estado e Sociedade Civil na busca de soluções coletivas de proteção e conservação dos recursos naturais;
  • Contribuir para a formação ética e cidadã do Monitor Ambiental Voluntário;
  • Realizar os estudos propostos pela Central de Monitoramento de Fauna e Flora;
  • Motivar a participação de acadêmicos do ensino superior e comunidade do entorno nas atividades propostas pela Central de Monitoramento de Fauna e Flora;
  • Qualificar os monitores ambientais voluntários, aumentando sua capacidade de agir em prol do meio ambiente;
  • Sensibilizar a comunidade para a importância de um ambiente equilibrado.

 

Resultados preliminares dos projetos de monitoramento – REMAVOU

Recomendar esta página via e-mail: